×
Segue-nos!
  • Histórico. Alpendorada conquista Supertaça

    ANDEBOL
    Ver Mais
  • Está aí a 2ºEliminatória da Taça de Portugal

    Ver Mais
  • Portugal Tri Campeão Europeu

    FUTEBOL PRAIA
    Ver Mais
  • Romeu Leite Campeão Nacional de SuperBikes

    Ver Mais
  • RESULTADO | Taça de Portugal (1ªEliminatória)

    Ver Mais

Jogos Olímpicos 2020 já começaram! Haverá medalhas para Portugal?

Apesar de sempre termos tido políticos não desportistas no governo responsáveis pelo desporto e como tarefa secundária.
Apesar de os clubes desportivos terem grandes dificuldades de tesouraria o que obriga a um pagamento mensal muitas vezes elevado aos atletas, o que provoca que muitas das nossas crianças e jovens sem possibilidades financeiras não pratiquem desporto.
Apesar do desporto escolar não ser promotor do desporto e servir na maioria dos casos para completar horários dos professores e para os seus dirigentes se eternizarem nos cargos.
Apesar do lucro das apostas desportivas ser entregue pelo governo desde sempre à empresa privada Santa Casa de Lisboa à revelia das instituições europeias e não ser entregue a uma instituição desportiva pública.
Apesar dos parcos recursos financeiros atribuídos às federações, o que faz com que alguns atletas participem em europeus e mundiais com os seus próprios meios ou dos seus pais e que leva outros com menos posses à desistência.
Apesar de não cuidarmos do futuro dos nossos grandes atletas entregues à sua sorte no final da carreira, sem qualquer apoio financeiro por parte do Estado.
Apesar de termos conquistado apenas 4 medalhas de ouro desde 1896 e todas no atletismo, conseguimos nesta olimpíada pela dedicação, força de vontade, talento e resiliência dos nossos atletas reunir um grupo capaz de dar muitas alegrias aos portugueses tão sedentos de medalhas olímpicas.
 
Eis as nossas maiores hipóteses, modalidade a modalidade:
 
Andebol: equipa que foi 10ª no mundial de 2021;
Atletismo: Pedro Paulo Pichardo (triplo salto) 1º do ranking mundial; Auriol Dongmo (peso) 4ª do ranking mundial; Patrícia Mamona (triplo salto) 7ª do ranking mundial e 6ª no Rio de Janeiro 2016; Liliana Cá (Disco) 7ª do ranking mundial e João Vieira (50 Km Marcha) 2º no último mundial e que vai para a 6ª participação em Jogos Olímpicos.
Canoagem: Fernando Pimenta (K1 1.000m) 3º no último mundial, medalha de prata em Londres 2012 (K2 1000m) e 5º no Rio de Janeiro 2016 (K1 1000m); Joana Vasconcelos e Teresa Portela ambas no K1 200m e K1 500m; Emanuel Silva, João Ribeiro, Messias Baptista e David Varela (K4 500m) 6º no último mundial e Antoine Launay (K1 Slalom) 7º no último mundial.
Ciclismo: Maria Martins (Pista-Omnium) 4ª no mundial de 2020 e João Almeida Prova de Estrada 4º na Volta à Itália 2020
Ginástica: Diogo Abreu (trampolim) 4º no Mundial de 2018
Judo: Todos os lusos presentes sonham com o pódio: Catarina Costa -48 kg 7ª Cabeça de Série; Joana Ramos -52 kg 5ª no Mundial deste ano; Telma Monteiro -57Kg 8ª Cabeça de Série e bronze no Rio de Janeiro 2016; Bárbara Timo -70Kg 2ª no Mundial de 2019; Patrícia Sampaio -78Kg 5ª no Mundial de 2019; Rochele Nunes +78Kg 9ª Cabeça de Série; Anri Egutidze -81kg 3º no Mundial deste ano; Jorge Fonseca -100kg atual bicampeão do mundo e 2º Cabeça de Série.
Skateboarding: Gustavo Ribeiro (Street) 3º no Mundial de 2019
Surf: Teresa Bonvalot 3ª no Mundial de 2021 e Yolanda Hopkins Sequeira 2ª no Mundial de 2021, ambas em shortboard
Taekwondo: Rui Bragança -58kg 3º no Mundial de 2019
Triatlo: João Pereira 5º no Rio de Janeiro 2016
Vela: dupla Diogo Costa e Pedro Costa (470) 2º no Mundial de 2021.
 
Texto: Paulo Pedroso

Anexos:

Partilhar

Data de publicação: 2021-07-23

Outras Noticias

Comentários

  • De momento esta notícia não tem comentários à apresentar.

Deixe um comentário