×
Segue-nos!
  • Paredes brilha e segue em frente na Taça de Portugal

    FUTEBOL | Taça de Portugal
    Ver Mais
  • CA Pacense disputa Supertaça

    Ver Mais
  • João Ribeiro volta a sagrar-se Campeão em Super 1600

    Ver Mais
  • Um ponto amargo para Pacenses

    Ver Mais
  • Mário Costa e Raquel Queirós vencem Taça de Portugal em XCO

    CICLISMO | XCO
    Ver Mais
  • CAMPEÕES DO MUNDO

    FUTSAL
    Ver Mais

BENFICA VENCE TAÇA DA LIGA NO MELHOR DÉRBI DO MUNDO

Na grande final entre Sporting e Benfica da Taça da Liga em futsal, os encarnados venceram por 5-4 num “hino” ao futsal, naquele que é o melhor dérbi de futsal mundial.
O jogo começou frenético e muito intenso, a primeira oportunidade do encontro foi para o Benfica. Fernandinho sozinho na zona central atirou ao lado. A equipa do Sporting, prontamente, respondeu e foi eficaz. No segundo minuto de jogo, Cardinal inaugurou o marcador. Numa reposição lateral, Robinho não acompanhou o pivô verde e branco, que com um remate portentoso e indefensável para Guitta fez o 1-0.
O jogo entrou numa fase em que as equipas se encaixaram, com poucas ocasiões de golo. Robinho num remate, aos 8 minutos, fez com que Guita tivesse de defender, voltando a colocar o jogo numa fase mais intensa e de maior superioridade para os encarnados.
O Sporting com um bloco mais baixo e expectante, procurou criar perigo nas transições rápidas de Pany Varela e Merlim, principalmente. O Benfica, com mais posse de bola, apostou em lances individuais de Robinho e Chaguinha. Mas quem marcou em transição foi Benfica, numa defesa de Roncaglio, que rapidamente assumiu o contra-ataque e numa combinação com Tiago Brito fez o empate 1-1, aos quinze minutos.
No melhor pano cai a nódoa, Roncaglio num erro tremendo ofereceu o golo a Deo no mesmo minuto, dando novamente vantagem à equipa de Nuno Dias.
No último suspiro da primeira parte, muito oportuno Fernandinho desviou o remate de Robinho e fez a igualdade 2-2.
A segunda parte iniciou à semelhança da primeira, as equipas sempre com olhos na baliza adversária e a procurarem equilibrar os momentos defensivos
O Benfica volta a colocar-se na frente do marcador. Jogada bem trabalhada pelo Benfica, aos 11 minutos, do segundo tempo, André Coelho a finalizar com frieza e a colocar os encarnados a vencer por 3-2.
O Sporting, prontamente, respondeu meio minuto depois. Guitta à semelhança de Roncaglio, na primeira parte, assumiu a transição, combinou com Pauleta e fez a igualdade.
PanY Varela procurou responder, aos 13 minutos, num remate forte enviou a bola ao poste da baliza do Benfica.
Aos 14 minutos, o Benfica chegou às cinco faltas, o que condicionou a ação dos encarnados. O Sporting procurou com maior frequência a subida de Guita e também o jogo de pivô de Cardinal.
A equipa de Joel Rocha teve muito sólida e aos 16 minutos em transição muito bem definida, Chaguinha finalizou e fez o 3-4.
O 3-5 surge num erro do guarda redes do Sporting. Fits intercetou o passe de Guitta e Robinho marcou.
O Sporting alterou para 5x4 e Merlim num remate a 12 metros reduziu para 4-5. O Sporting continuou a pressionar e a ter bola em superioridade, perante um Benfica que defendeu a vantagem mínima, em bloco baixo.
O Benfica conseguiu segurar a vantagem e conquista a sua 3ª Taça da Liga, em Futsal.
Grande jogo, grande espetáculo entre as duas melhores equipas de futsal em Portugal.
 
Texto: Luís Leal
Foto: Canal 11 

 

Partilhar

Data de publicação: 2020-01-12

Outras Noticias

Comentários

    • Pedro Ventura

      Não há empates no basquetebol. Há prolongamentos de 5 minutos cada, até se encontrar um vencedor.

Deixe um comentário