×
Segue-nos!
  • 2ª Divisão vai retomar e FPF já anunciou formatos

    FUTSAL
    Ver Mais
  • Final Four será 100% portuguesa na Liga Europeia

    Hóquei em Patins
    Ver Mais
  • Sporting volta a conquistar Taça de Portugal

    BASQUETEBOL
    Ver Mais
  • Equipa Feminina de Voleibol do FC Porto conquista título pela 1ª vez

    VOLEIBOL
    Ver Mais
  • Vila Real assegura permanência e despromove Pedras Rubras

    Ver Mais
  • Caxinas correu atrás e merecia melhor desfecho

    Ver Mais

Estatuto Editorial

"COMPLEXO" define-se como publicação periódica On line, dirigido à informação desportiva, que se assumirá com independência total - sob a orientação da Direção, de acordo com o que estipula a Lei da Imprensa - ante os diferentes poderes, jamais abdicando dos seguintes princípios:

1.    "COMPLEXO" respeitará integralmente a liberdade de expressão do pensamento de harmonia com o prescrito na Lei da Imprensa;

2.    “COMPLEXO” é um jornal rigorosamente independente de partidos políticos, organizações económicas, igrejas ou seitas.

3.    "COMPLEXO" empenhar-se-á não só na informação correta e objetiva dos acontecimentos, mas também no aprofundamento dos temas, contribuindo para o fomento da prática desportiva como forma de cultura e desenvolvimento da sociedade;

4.    "COMPLEXO" terá sempre uma opinião crítica, serena e desapaixonada, ante o fenómeno desportivo, procurando respeitar as diferentes sensibilidades e rejeitando toda e qualquer forma de pressão;

5.    "COMPLEXO" condiciona a divulgação de textos de opinião, próprios ou de colaboradores, dentro das regras de coerência, rejeitando os que firam a sua orientação geral.

6.    “COMPLEXO”, produzido em língua portuguesa, tem um âmbito preferencialmente nacional, garantindo, no entanto, a sua difusão internacional para todo o mundo através da internet.

 

“COMPLEXO”, por intermédio dos seus jornalistas e sob a responsabilidade do seu diretor, compromete-se a respeitar a legislação aplicável à atividade jornalística, designadamente a Lei da Imprensa, bem como os princípios éticos e deontológicos e pela ética profissional dos jornalistas, assim como pela boa fé dos leitores, nos termos do nº1 do artigo 17º da Lei nº 2/99, de 13 de Janeiro (Lei de Imprensa).